Ensino de bioquímica: uma proposta inovadora!

No último dia 24/10, assisti a uma mesa redonda no NUTES / UFRJ: “Diversidade da vida o que pensam os estudantes”, e tive o prazer de ouvir a professora Dra. Andrea Da Poian, do Instituto de Bioquímica da UFRJ, falar sobre suas experiências na formação de professores para o ensino de bioquímica. Coincidentemente lendo uma matéria da Revista Ciência Hoje, me deparo com a professora Dra. Andrea, em uma matéria que cita essa proposta inovadora de ensinar bioquímica.

Segundo a professora, é preciso ouvir nossos alunos, fato que sempre é discutido nos discursos por uma educação de qualidade, mas que poucos tem sido levado em consideração. Ela também menciona que as atividades de ensino não podem estar desconectadas da motivação dos alunos. Isto me remete a um dos eventos educacionais que Joseph Novak nos chama a atenção, que é a pré disponibilidade que o aluno deve ter para aprender. Nesse sentido, verificamos a necessidade deste aluno estar motivado para aprender.

Mas como fazer isso? De quem é a responsabilidade? Existe um método inovador? Os professores que estão na educação básica estão preparados para transpor a forma de ensinar tradicional?

Essas são algumas das muitas perguntas que surgem. O que você pensa a respeito?

A reportagem completa sobre “Inovação no ensino de bioquímica”, você pode ler no link abaixo:

http://www.cienciahoje.org.br/noticia/v/ler/id/4928/n/inovacao_no_ensino_de_bioquimica

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s